Impostos e Benefícios

Imposto da província: Praticamente todas as compras em Ontario terão acréscimo de 13% do valor em decorrência do Harmonized Sales Tax (HST), com algumas exceções.


Formulário TD1 / TD1 ON: Quando você é contratado por uma empresa canadense a empresa solicitará que você preencha dois formulários sobre cobrança de impostos, o TD1 para impostos federais e o TD1ON para os impostos da província. No site do Governo Federal é possível encontrar os dois formulários também.

Estes formulários são usados como base para que a empresa saiba quanto imposto descontar em folha, então pessoas com dependentes por exemplo terão descontos menores que pessoas sem dependentes. Isso também ajuda a ter um valor mais próximo do real na hora de declarar o imposto de renda fazendo com que os valores devidos ou a crédito não flutuem muito.


T4: T4 é o “Comprovante de Rendimentos” que a(s) empresa(s) onde você trabalhou no ano anterior enviam para seu endereço no começo do ano. Com este documento você pode fazer sua declaração de imposto de renda.


T2202: Este é o “Comprovante de Pagamento de estudos e materiais” que a(s) faculdade(s) onde você estudou no ano anterior enviam para seu endereço no começo do ano ou disponibilizam via website. Com este documento você pode fazer sua declaração de imposto de renda.


CRA (Canada Revenue Agency): É a “Receita Federal” canadense. Eles possuem um site onde você pode consultar seus impostos anteriores, restituições e benefícios. Eles também prepararam uma série de vídeos para ensinar os recém chegados sobre como funciona o sistema de tributação no Canadá.


Saída Definitiva e Declaração de Saída Definitiva: Quando você começar a trabalhar no Canadá, mesmo que temporariamente com visto de trabalho, e estiver morando no Canadá por pelo menos 6 meses ou se estiver morando no Canadá há um ano, mesmo que não esteja trabalhando é importante fazer a Saída Definitiva Fiscal do Brasil. Este documento serve apenas para comunicar a Receita Federal brasileira que a partir de agora você está trabalhando em outro local e evitar que você pague imposto duplicado. Este passo deve obrigatoriamente ser feito até o fim de fevereiro.

O segundo passo, após a Saída Definitiva, é fazer a Declaração de Saída Definitiva, que é a sua última declaração de imposto para a receita federal.

Caso você deixe de informar a saída definitiva é possível que você tenha que pagar multa retroativa, então não perca a data.

Este vídeo responde as principais dúvidas dos brasileiros sobre esse assunto e esse aqui explica melhor como declarar caso você possua renda ou bens nos dois países (ex. Aluguel no Brasil e emprego no Canadá).


Declaração de Imposto no Canadá: Mesmo que você tenha vindo como estudante é importante fazer a declaração pois é possível que você tenha restituição. No Canadá o imposto funciona um pouco diferente do Brasil e você pode declarar o imposto da família toda em conjunto (ainda será uma por pessoa mas é possível vincular os impostos) e geralmente os sistemas utilizados para declaração automaticamente já calculam a distribuição de forma a ter o melhor retorno.

Você pode declarar o imposto sozinho (ver estas dicas), via contador ou via “tax clinic” que são serviços prestados por voluntários em agências e apoio a newcomers (ex. WoodGreen Tax Clinic e Abrigo Centre, que atende em português). A data limite para declaração de imposto no Canadá é o último dia de Abril porém se for usar uma tax clinic agende com muita antecedência.

A restituição costuma ser paga em uma semana após a declaração, principalmente se você cadastrar o depósito em conta. Caso não cadastre a conta receberá o cheque via correio.

Mesmo se você não trabalhar no Canadá mas estiver no país por cerca de seis meses é recomendável declarar imposto de renda, especialmente se for estudante com o T2202, e caso não possua o SIN (número do social security) é possível gerar um número “fake” para a declaração.

Existem muitos benefícios para pessoas de baixa renda e o valor do imposto é calculado pela renda da família, então o ideal é que todos os membros declarem imposto.

Todos os documentos usados na declaração do imposto (holerites, recibos de aluguel, recibos médicos ou de cuidados com crianças ou seniors) devem ser mantidos por 6 anos.


Auxílio financeiro para crianças: Existem dois subsídios para crianças, um Federal e um da cidade de Toronto.


Canada Child Tax Benefit (CCTB): Se você chegar no Canadá como residente permanente você pode solicitar o benefício imediatamente, porém se vier como residente temporário poderá solicitar o benefício após 18 meses morando no Canadá. Neste site tem todos os detalhes.


Child Care Fee Subsidy: Crianças de até 12 anos que morem ou estejam se mudando para Toronto podem aplicar para o subsídio. Maiores informações aqui.

Ambos os pais precisam estar em uma atividade full time (seja estudo ou trabalho), e a renda familiar precisa ser menor do que $70.000 anual mas caso a renda familiar for maior do que esse valor o subsídio será avaliado durante a entrevista.

Todos os aplicantes passam por entrevista pessoal, onde será determinado qual valor de subsídio a família terá acesso.

Para ter direito ao benefício, a criança precisa estar na lista de espera de um daycare que aceite o subsídio do governo (consultar neste site).

0 visualização
  • Car_servicess-25-512
  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon
  • images (2)
  • Black Spotify Icon
  • Black YouTube Icon
  • Black LinkedIn Icon

networkingparabrasileiros